O jogo Indie Eliosi’s Hunt da produtora TDZ Games de Minas Gerais (isso mesmo, game indie Brasileiro) é o jogo que testamos no PS4 da Equipe Dólatras no último fim de semana. Já adianto que o game é muito lindo e impressiona. Ficou curioso? Então vem ler nossa Review Sincera do game.

Lançado há alguns dias, e em uma análise das primeiras horas já percebemos que o jogo traz uma perspectiva boa e estimula outros desenvolvedores brasileiros para que mais produtoras independentes possam investir nesse tipo de trabalho e sonho aqui no Brasil. Por quê? A aventura gera uma satisfação enorme a quem está jogando.

O gameplay por si só é excelente. A produtora TDZ Games fez um belo trabalho investindo pesado na movimentação do personagem Eliosi, deixando suas ações mais realistas saindo da linha apenas de uma simples criação computacional.

Com belos cenários e uma pegada que lembra muitas vezes ‘Crash Bandicoot’ pelas jungles, e ‘Halo: Spartan Assault’ pela câmera, Eliosi’s Hunt é um jogo de ficção científica de tiro com perspectiva aérea (top down shooter) e plataforma: em uma receita de sucesso que dá muito certo.

Agora então vamos aos pontos positivos e claro as críticas: a jogabilidade do jogo é boa (de fato muito, MUITO boa), não há tantos botões a apertar, você precisa apenas prestar atenção e seguir adiante atirando. E isso é fantástico. Um jogo direto e muito fluido.

Os pontos de save são outra opção interessante já que da pra escolher se queremos realmente fazer o check point ou destruir tudo como um maluco para testar a ‘hardcoriedade’ da pessoa naquele momento (vai que seu dia foi muito chato né? E nada melhor que estourar alguns aliens malignos), e isso acaba dando essa opção de escolha para o jogador.

O cenário do jogo é muito bonito, ponto positivíssimo a TDZ que trouxe gráficos caprichados. Não podemos esquecer das armas e benefícios que o jogo dá para concluirmos às fases que também enriquecem bastante o jogo.

É só uma pena que elas não duram eternamente, por isso é melhor usar sabiamente.

O som do jogo entretanto é o que mais decepciona infelizmente. Deveria ter sido mais bem trabalhado com precisão, profundidade e dinâmica de acordo com os cenários e a história do jogo e não apenas ficar em um loop eterno de um single por cenário como acontece.

O menu do jogo também é algo que causa estranheza por ter só opções de áudio e iniciar jogo, sem nenhuma cena com história contada ou extras sobre a desenvolvedora ou o enredo em que se passa o game para nos inserir mais profundamente no universo de Eliosi.

Para terminar a primeira missão não é complicado (algo em torno de 20 minutos) se estudarmos cada cenário minuciosamente. Porém o jogo pede para concluir tudo de novo  em 2 minutos numa versão mais punk e difícil da mesma, o que pode gerar um choro em jogadores mais casuais que adoram colecionar todos as conquistas (não é o meu caso por que eu jogava Mario Bros. 2 original no Nintendinho). Mas ressalto, isso não é uma crítica mas só uma dica aos desenvolvedores apenas por existirem gamers de todas as formas hoje.

E por fim, o jogo promete doses de diversão para os que amam jogos de tiro e aventuras espaciais. É um ótimo jogo indie brasileiro e só fortalece ainda mais a produção e a indústria brasileira por aqui. Parabéns aos garotos que investiram nisso.

Espero ver mais dessa produtora e quem sabe uma saga dessa história futuramente. Um abraço players.

Nota final: 7/10

Eliosi’s Hunt está disponível para as plataformas PC e PS4

Por: Emanuel Miranda.

Comentários no Facebook